3 de mai de 2011

Mercadante participa de premiação na área científica e tecnológica

Jornal do Brasil - 03/05/2011



BRASÍLIA - O ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, participa na noite desta terça-feira, na Academia Brasileira de Ciências (ABC), no Rio de Janeiro, da solenidade de entrega do Prêmio Almirante Álvaro Alberto, premiação que objetiva o reconhecimento e estímulo a pesquisadores e cientistas brasileiros que prestem relevante contribuição nos campos da ciência e tecnologia. O agraciado da edição de 2010 será o médico e neurocientista Iván Izquierdo, que receberá diploma, medalha e R$ 150 mil.

O prêmio, que é concedido anualmente pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCT) e a Fundação Conrado Wessel, pode ser considerado o mais importante do país na área. Ele possui algumas características que o diferenciam dos demais, entre elas o fato de não aceitar inscrições e de laurear, a cada ano, pesquisadores que tenham se distinguido em duas de 12 áreas do conhecimento, selecionadas previamente e em sistema de rodízio.

O processo de indicação de candidatos é bastante elaborado e concebido de forma a minimizar a possibilidade de indicação de nomes que não sejam efetivamente significativos para a comunidade científica e tecnológica.

Para cada área é constituída uma Comissão, composta por especialistas indicados por associações e sociedades científicas que sugerem nomes de até quatro pesquisadores relacionados à área. Dentre os candidatos indicados, o Conselho Deliberativo (CD) do CNPq escolherá o vencedor, contando com o apoio de outra Comissão, também criada especialmente e denominada Relatora, composta por membros do próprio CD.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário