16 de fev de 2012

Buraco Negro se formou no centro da galáxia anã

Info Online
Por Vanessa Daraya
16/02/2012


NASA, ESA, and S. Farrell/Sydney Institute for Astronomy, University of Sydney


São Paulo - A ESA (Agência Espacial Europeia) divulgou uma imagem em que é possível observar um grupo de jovens estrelas azuis em torno do buraco negro HLX-1. A partir disso, os astrônomos julgam que o buraco se formou a partir de uma galáxia anã.

O buraco negro registrado na imagem pesa cerca de 20 mil vezes a massa do Sol e está na direção da galáxia ESO 243-49, a 290 milhões de anos-luz da Terra. A equipe responsável pelo estudo da imagem sugere que o buraco tenha se formado no centro de uma galáxia anã, que agora está desintegrada.

Os pesquisadores pensam que essas estruturas supermassivas podem se originar a partir da fusão de pequenos e médios buracos negros. Por ter um grupo muito jovem de estrelas em volta do buraco negro, ele pode ter se originado a partir da galáxia anã, que foi engolida depois pela estrutura maior.

Essa possível descoberta deve ter implicações importantes para a compreensão de como os buracos negros supermassivos evoluem. Isso porque já se sabe como essas estrelas supermassivas se desintegram para a formação dos buracos que podem ter massa milhões de vezes maior que a do Sol. Porém, ainda não está claro como essas estruturas podem se formar no núcleo das galáxias.

O registro foi feito pelo Telescópio Espacial Hubble da Nasa em parceria com a ESA. Já a equipe da pesquisa foi liderada por Sean Farrell, do Instituto de Astronomia de Sydney, na Austrália.




Nenhum comentário:

Postar um comentário