15 de dez de 2012

Físico Stephen Hawking leva prêmio de US$ 3 milhões

DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

O célebre físico britânico Stephen Hawking acaba de ganhar mais um prêmio para sua já extensa coleção. E, além do troféu, ele vai levar para casa US$ 3 milhões pelo conjunto de seu trabalho, notabilizado pelo estudo dos buracos negros.

Ele foi laureado numa edição especial do Prêmio de Física Fundamental, que é considerado atualmente a premiação mais lucrativa por pesquisas científicas.

Ele é patrocinado pelo bilionário russo Yuri Milner, que se define como um "físico frustrado". Ele desistiu de seu PhD na área para se dedicar a investimentos lucrativos na área de tecnologia.

A título de comparação, o Nobel paga cerca de US$ 1,2 milhão. O valor foi reajustado para baixo em 2012, devido à crise financeira internacional. Antes, era de aproximadamente US$ 1,5 milhão.

LHC

Além de Hawking, o prêmio de física fundamental também agraciou, nessa espécie de categoria principal, um time de sete cientistas do Cern (Organização Europeia de Pesquisa Nuclear).

Os pesquisadores trabalham no LHC, maior acelerador de partículas do mundo, e foram os principais personagens da provável descoberta do bóson de Higgs, uma partícula fundamental descrita no Modelo Padrão da física como sendo responsável por conferir massa a todas as outras partículas.

Eles dividirão uma outra parcela de US$ 3 milhões.

Em um e-mail enviado ao jornal britânico "Guardian", Hawking afirmou que estava "muito satisfeito e honrado" com o prêmio.

"Ninguém faz pesquisas em física com a intenção de ganhar um prêmio. É pela alegria de descobrir algo que ninguém sabia antes. Ainda assim, prêmios como esse têm um papel importante em dar reconhecimento público pelas descobertas em física", disse Hawking, que em janeiro acabou impedido de participar das comemorações de seu aniversário de 70 anos devido a problemas de saúde.


Na mesma ocasião do anúncio, foi divulgada também uma lista com físicos candidatos a levar o Prêmio Fundamental da Física no ano que vem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário