14 de jun de 2011

Aconteceu em 14 de junho de 1726

Nasceu em Edinburgh, Escócia, o geólogo James Hutton. Ele foi um dos grandes opositores à “teoria do netunismo”, criada pelo geólogo alemão Abraham Gottlob Werner, e que dizia que todas as rochas existentes no nosso planeta tinham sido formadas a partir de precipitações de matéria ocorridas durante uma única e enorme inundação. Hutton propôs que o interior da Terra era quente e que este calor é que fazia novas rochas serem criadas. Segundo ele a terra era desgastada pelo ar e pela água e depositada como camadas no fundo dos mares. O calor gerado pela Terra consolidava este sedimento em pedra e, a partir daí, criava novas terras. Esta teoria passou a ser conhecida como “plutonismo”. James Hutton é hoje considerado o “pai” da geologia moderna.



Nenhum comentário:

Postar um comentário