11 de jun de 2012

Observatório Nacional explica o magnetismo da Terra na Rio+20



O campo geomagnético protege o planeta da radiação solar


O Observatório Nacional levará aos visitantes da Rio+20 informações sobre as observações do campo magnético da Terra, desde os primeiros registros históricos até o que há de mais atual sobre o tema. No estande do ON, por meio de recursos audiovisuais, o público terá informações sobre tempestades magnéticas, reversões de polaridade do campo, auroras austrais e boreais, entre outros fenômenos relacionados. Experimentos educativos permitirão aos visitantes compreender as principais características do campo geomagnético, onde ele é formado e como ele se apresenta na superfície da Terra.


O campo magnético da Terra, chamado campo geomagnético, é uma das mais antigas descobertas científicas. É uma das formas na qual a energia se manifesta em torno de um corpo magnetizado ou de um condutor de corrente elétrica. No caso do campo geomagnético, a sua principal fonte são correntes elétricas que fluem no núcleo externo da Terra. Este campo gerado no núcleo pode ser detectado em todo o planeta, e fora dele também, funcionando como um escudo que protege a Terra da radiação solar.
As variações mais expressivas do campo geomagnético podem gerar problemas nas telecomunicações, na rede elétrica, aumentar a incidência de doenças de pele, entre outras consequências. Esse campo protege a Terra da radiação solar e, sem ele, a vida como a conhecemos estaria comprometida, inclusive com o desaparecimento de diversas espécies animais e vegetais.
A variação do campo geomagnético é um fenômeno absolutamente natural, decorrente da dinâmica da Terra e do Sol, sobre a qual não é possível haver qualquer interferência humana. Conhecer o campo geomagnético é fundamental para compreender sua importância, seus impactos, suas variações e também para identificar as alterações naturais e diferenciá-las de outros fenômenos que podem ser provocados pela ação humana.
O estande do ON ficará no Armazém 4 do cais do Porto, na Praça Mauá, centro do Rio de Janeiro, de 13 a 15 de junho, das 9 às 19 horas.

Serviço
Evento: Observatório Nacional na RIO+20
Local: Armazém 4 do cais do Porto, na Praça Mauá, centro do Rio de Janeiro
Período: 13 a 15 de junho, das 9 às 19 horas
Informações: www.popciencia.org.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário